Até 1 de Fevereiro

Ana Guerra Marques representa Angola no FIDO

A directora artística da Companhia de Dança Contemporânea de Angola (CDCA) representa Angola na 8.ª edição do FIDO Festival Internacional de Dança de Ouagadougou, no Burkina Faso, que decorre desde 25 de Janeiro até 1 de Fevereiro.

Ana Guerra Marques representa Angola no FIDO
D.R
Ana Clara Guerra Marques, coreógrafa

Ana Clara Guerra Marques é convidada de honra para ser a madrinha da edição de 2020, juntamente com o bailarino e coreógrafo da Côte d'Ivoire Georges Momboye, que será o padrinho.

De acordo com uma nota enviada ao NG o convite foi endereçado pela directora artística do festival, a renomada coreógrafa Irène Tassembédo, teve como base a “grande admiração” pelo trabalho desta coreógrafa angolana, pelo trabalho desenvolvido ao longo de cerca de três décadas de trabalho, quer enquanto bailarina e coreógrafa, quer enquanto professora e investigadora em Angola e no estrangeiro.

Estão já agendados encontros com a nova geração de bailarinos africanos presentes em Ouagadougou, com os quais Ana Clara falará sobre a sua carreira e sobre o trabalho inovador desenvolvido com a Companhia de Dança Contemporânea de Angola, no sentido da abertura de novos caminhos para a dança em Angola e em África.

FIDO é uma plataforma que contribui actualmente para transformar o olhar sobre a dança no continente africano. Reunindo bailarinos e coreógrafos de todo o mundo, tem como objectivo a aproximação entre as diversas linguagens e opções estéticas, utilizando a partilha e o contacto entre as diferentes realidades artísticas e sociais como um dos mais importantes motores do desenvolvimento artístico.

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS