Nesta sexta-feira

UNITA abre ano político

O líder da UNITA, Adalberto Costa Júnior, está a presidir nesta sexta-feira, nas instalações do partido, em Viana, Luanda, o acto de abertura do ano político daquela força política.

UNITA abre ano político
D.R
Adalberto da Costa Júnior, presidente da Unita

A abertura do ano político da UNITA acontece três dias depois de o órgão de cúpula do partido, o Comité Permanente da Comissão Política, ter reunido para aprovar o plano de actividades para o primeiro trimestre e eleger 2021 como o "Ano da mobilização dos patriotas para a alternância do poder” no país. 

No acto de hoje, deverão sair orientações a serem implementadas este ano, que deverá ser marcado pela pré-campanha com vista às eleições gerais de 2022. As ligeiras alterações que Adalberto Costa Júnior efectuou, quarta-feira, no aparelho do partido, a nível central e provincial, também podem estar enquadradas na estratégia da UNITA com vista às eleições.

Num primeiro despacho, o presidente da UNITA exonerou os secretários provinciais de Benguela, Huambo, Kuando-Kubango e Cabinda, respectivamente Jeremias Kaunda Abílio, Alcino Kuvalela, Adriano Sapiñala e Inácio Sozinho, assim como a segunda vice-presidente do grupo parlamentar, Albertina "Navita” Ngolo.

No segundo despacho, Adalberto Costa Júnior nomeou Albertina Ngolo para o cargo de secretária provincial do Huambo, Adriano Sapiñala, para Benguela, Francisco Gaio Kakoma Antonino, para o Kuando-Kubango, José de Gringo Lembe, Cabinda, e a deputada Mihaela Webba para segunda vice-presidente do grupo parlamentar da UNITA.

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS