Para doutoramento e pós-doutoramento

Unesco pretende doar 140 bolsas de estudo a Angola

Unesco pretende doar 140 bolsas de estudo a Angola
DR
Salah Khaled, representante da Unesco para África Austral

A Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco) prevê doar 140 bolsas de estudo a Angola, a nível de doutoramento e pós-doutoramento. Para o efeito, já estão a ser traçadas as linhas e planos de acção com vista a implementação de um acordo de cooperação.

A informação foi prestada em Luanda pelo representante regional da Unesco para a África Central, o egípcio Salah Khaled, que esteve no país para contactos com as autoridades angolanas sobre, entre outros assuntos, o programa de cooperação entre Angola e a Unesco na área da educação.

De acordo com Salah Khaled, durante a visita a Angola, a sua primeira desde que foi nomeado representante da Unesco para a África Central, há oito meses, reuniu-se com a ministra da Ensino Superior,  Ciência, tecnologia e Inovação, Maria do Rosário Bragança Sambo, com a ministra da Cultura, Carolina Cerqueira, na qualidade de presidente da Comissão Interministerial criada pelo chefe de Estado, João Lourenço, para acompanhar todo a programa de cooperação entre Angola e Unesco.

 

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS