Ensino superior privado

Ministra dá dois meses a instituições ilegais

A ministra do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação, Maria do Rosário Bragança, avisou ontem que as instituições ilegais têm mais dois meses para concluírem o processo da sua legalização.

Ministra dá dois meses a instituições ilegais
D.R.

Maria do Rosário Sambo avisou que, findo o prazo, em 2020, serão encerradas as instituições e os cursos ilegais.

Em declarações à imprensa no Huambo, a ministra disse estarem nesta condição 13 instituições privadas e 44 cursos ministrados ilegalmente em instituições legalizadas que deverão, até Agosto, resolver a situação.

Maria do Rosário Sambo avisou que, findo o prazo, em 2020, serão encerradas as instituições e os cursos ilegais, lembrando que, em 2018, o país tinha 18 instituições privadas ilegais e 148 cursos não reconhecidos.

A ministra adiantou que o processo de eleição das direcções nas instituições universitárias públicas está a depender da aprovação e publicação do regulamento geral eleitoral, que, em breve, vai ser discutido pelo Conselho de Ministros, avançando igualmente que está bem encaminhada a elaboração do regime jurídico de cobranças de propinas aos estudantes diurnos de instituições públicas.

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS