Iniciativa ainda carece de apoios

Ambiente lança projecto de combate ao comércio ilegal

O Ministério da Cultura, Turismo e Ambiente lançou hoje um projecto de combate ao comércio ilegal da vida selvagem e ao conflito homem e animal em Angola.

Ambiente lança projecto de combate ao comércio ilegal
D.R

Em declarações à imprensa, o director do Instituto Nacional da Biodiversidade e Áreas de Conservação, Aristófanes da Cunha, disse que o projecto surge para combater o comércio ilegal, a caça furtiva da fauna em Angola, bem como o conflito  homem e animal.

Segundo o responsável, foram seleccionados duas áreas de conservação e uma reserva de espécies endémicas, que recai para a palanca negra gigante encontrada na reserva integral do Luando, o papagaio cinzento, chimpanzé, gorila e elefantes que se encontram no parque nacional do Maiombe.

Indicou que existe uma série de actividades a concorrerem para a redução desta prática nociva à biodiversidade e apelou a necessidade de outros parceiros serem adicionados para haver a continuidade das acções que o projecto prevê.

Solicitou o apoio da comunidade para a concretização do projecto e destacou-o como um elemento essencial para a lida com os recursos existentes nesta conservação.

 

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS