A partir de segunda-feira

Testes da covid-19 passam a ser comparticipados

A partir da próxima segunda-feira (19) os testes da covid-19 para as viagens a título individual e para as pessoas que pretendem saber do seu estado, passam a ser comparticipados.

Testes da covid-19 passam a ser comparticipados

De acordo com o secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, essa comparticipação refere-se ao sector Público, cujo preço a comparticipar será divulgado a 19 deste mês.

Quanto às viagens no interior do país, apelou, que os cidadãos devem proceder a marcação do teste serológico rápido ou Elisa de forma antecipada, a fim de evitar longas filas e facilitar a gestão do processo de testagem. “Não se pode aguardar a realização do teste no mesmo dia da viagem”.

Os testes rápidos serológicos e de Elisa para as viagens domésticas podem ser realizados nas clínicas Sagrada Esperança, Girassol, Multiperfil, Luanda Medical Center Mediag, Cligest, Centralabe e Sidile, unidades autorizadas pelo Ministério da Saúde, no âmbito da descentralização das testagens.

O governante que falava no habitual ponto de situação diário da covid-19, lembrou que os testes de RT-PCR para efeitos de viagens ao exterior do país, além do sector Público, podem ser feitos nos laboratórios das clínicas Girassol Sagrada Esperança, Multiperfil e Luanda Medical Center, que estão autorizados para o efeito.