Explica o Instituto Nacional de Investigação Pesqueira

Peixes na Baía de Luanda morreram por asfixia

O Ministério da Agricultura e Pescas revelou que a causa de morte de peixes registada a semana passada na Baía de Luanda teve que ver com asfixia.

Peixes na Baía de Luanda morreram por asfixia
D.R

Em comunicado, o ministério explica que “concentrações baixas de oxigénio dissolvido alteram o factor de condição das espécies, que em casos extremos como o ocorrido no dia 05 de Agosto levou à mortalidade dos peixes por asfixia”.

O ministério, através do Instituto Nacional de Investigação Pesqueira, refere que “muitas microalgas que foram identificadas de acordo com a comissão intergovernamental oceanográfica (COI) são referenciadas como produtoras de biotoxinas, com impacto para saúde humana”. 

Por esta razão, este órgão reforça para que o peixe capturado na Baía de Luanda não seja comercializado nem consumido.

A 5 deste mês, o Instituto Nacional de Investigação Pesqueira e Marinha (INIPM) foi notificado pelo comando da Polícia Fiscal Marítima da Ilha de Luanda sobre a ocorrência de peixes mortos.