Aos 100 anos

Morreu antigo secretário-geral da ONU

O antigo secretário-geral das Nações Unidas Javier Perez de Cuellar morreu na quarta-feira aos 100 anos, anunciou o filho.

Morreu antigo secretário-geral da ONU
D.R
Javier Cuellar morreu aos 100 anos, por causas naturais.

Javier Pérez de Cuellar foi o primeiro latino-americano a ocupar o cargo de secretário-geral da ONU, completou 100 anos, a 19 de Janeiro. O também antigo primeiro-ministro do Peru estava afastado da vida pública há vários anos devido ao delicado estado de saúde.

“O meu pai morreu após uma semana complicada. Morreu às 20h09 (1h09 de quinta-feira em Luanda) e descansa em paz”, disse o filho Francisco Perez de Cuellar à emissora peruana RPP News.

O antigo secretário-geral da ONU, que ocupou o cargo até 1991, morreu em casa devido a causas naturais, acrescentou.

Javier Pérez de Cuellar, que foi o primeiro latino-americano a ocupar o cargo de secretário-geral da ONU, completou 100 anos, a 19 de Janeiro. O também antigo primeiro-ministro do Peru estava afastado da vida pública há vários anos devido ao delicado estado de saúde.

Perez de Cuellar ocupou várias delegações diplomáticas do Peru em todo o mundo, antes de ser eleito secretário-geral da ONU em 1982. Em 1995 foi candidato à presidência do país.

Quando Javier Pérez de Cuellar completou 100 anos, o actual secretário-geral da ONU, António Guterres, saudou o diplomata peruano com “orgulho e alegria”. Na carta, Guterres sublinhou ainda que Pérez de Cuellar alcançou os históricos Acordos de Paz de El Salvador e que, ainda hoje, utiliza o exemplo do peruano para se inspirar e guiar no cargo que agora ocupa.

O velório decorrerá na sexta-feira na sede do Ministério das Relações Exteriores do Peru, antes do enterro com honras de chefe de Estado no cemitério Presbitero Maestro, em Lima, com a presença do presidente do Peru, Martín Vizcarra.

 

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS