Com investimento inicial de 780 milhões de euros

Japão e China preparam criação de fundo conjunto

Japão e China preparam criação de fundo conjunto
DR
Acordo poderá chegar aos 1.550 milhões de euros

Vários grupos financeiros japoneses, juntamente com uma entidade estatal chinesa, estão a planear criar um fundo de investimento de pelo menos 780 milhões de euros, informaram hoje (23), a imprensa local.

O fundo será destinado a fomentar o investimento bilateral e é esperado ser formalmente anunciado durante a visita do Primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, esta semana à China, de acordo a agência de notícias japonesa Kyodo.

O grupo financeiro nipónico Nomura e o fundo estatal do gigante asiático China Investment Corporation serão os maiores investidores.

O fundo terá 780 milhões de euros de investimento inicial, mas, de acordo com o Kyodo, poderá chegar aos mil e 550 milhões de euros.

Durante a visita oficial do Primeiro-ministro japonês à China, a primeira em sete anos, Shinzo Abe vai concentrar-se em melhorar as relações bilaterais dos dois gigantes asiáticos e reforçar o intercâmbio entre a segunda e a terceira economia mundial.

A abertura gradual do mercado chinês para o investimento estrangeiro é muito atraente para os negócios e sector financeiro no Japão.

 

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS