O projecto da responsabilidade social do Standard Bank Angola

‘Heróis de Azul’ apresentado em Luanda

‘Heróis de Azul’ apresentado em Luanda
Santos Samuesseca

O projecto já atingiu 20 localidades de Luanda, Cabinda, Cunene, Huíla, Huambo e Benguela.

No âmbito da sua responsabilidade social, o Standard Bank Angola procedeu hoje, em Luanda, a apresentação do projecto ‘Heróis de Azul – Saúde nas comunidades’, que tem como objectivo levar consultas gratuitas às comunidades. O projecto conta com o apoio da Associação ‘Médicos pela Vida’.

Desde a altura da criação, há dois anos, mais de 20 mil pessoas receberam apoios. O projecto conta o apoio de mais de 115 voluntários, muitos deles funcionários do Standard Bank e tem garantida a ajuda de grupos de profissionais de saúde, através da entrega de donativos hospitalares, reabilitação de escolas e construção de bibliotecas entre outros.

De acordo com o coordenador do projecto, Gelson Domingos, outro objectivo visa contribuir para a redução do índice de analfabetismo, além de melhorar as condições de saúde das aldeias. Mais do que dar donativos, pretende-se desenvolver e profissionalizar as pessoas, dando-lhes ferramentas para se tornarem autossustentáveis, a fim de gerarem os seus próprios rendimentos. O projecto já atingiu 20 localidades de Luanda, Cabinda, Cunene, Huíla, Huambo e Benguela.

O banco tem incluído na lista acções de apoio à luta contra o cancro, em parceria com a Liga Angolana contra o Cancro, a promoção de saúde nas comunidades com as associações ‘Médicos pela Vida’ e ‘Carie Not’. Na educação, tem desenvolvido acções de apoio com material didático, alfabetização e reabilitação de escolas.

O Standard Bank Group Limited é um dos maiores grupos financeiros da África do Sul. Actua em 38 países, dos quais 18 em África. Em Angola, abriu as portas em 2010.

Outros artigos do autor

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS