Empresa prevê criar 120 postos de trabalho

Fonecom esclarece montagem de telefones em Angola

A empresa angolana Fonecom esclareceu hoje, em nota, que pretende abrir, até ao próximo ano, cinco lojas de venda de equipamentos electrónicos, e instalar uma linha de montagem de telemóveis no país.

Fonecom esclarece montagem de telefones em Angola
D.R

Em nota de esclarecimento, a empresa explica que a linha de montagem não será feita em parceria com a empresa chinesa Xiaomi, como foi veiculado, a 13 de Dezembro, pela Agência Angola Press (ANGOP). 

A Fonecom informa que a fábrica resultará da parceria com um investidor chinês para a produção de telefones de classe baixa, média e média alta.
Segundo a empresa, a marca de produtos Xiaomi será somente comercializada nas cinco lojas da Fonecom.

O comunicado considera falso que a Xiaomi irá produzir telefones de baixo custo em Angola.

A Fonecom, em parceria com um investidor chinês, inaugurou a 13 deste mês, a sua primeira loja em Luanda, comercializando produtos exclusivos da marca Xiaomi. Pretende abrir 5 lojas, 2 em Luanda, Cabinda, Benguela, Lubango e cria assim 120 postos de trabalho.

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS