Entre Junho de 2019 a Julho de 2020

BUE constitui mais de 700 empresas no Huambo

O Balcão Único do Empreendedor (BUE) no município do Bailundo (Huambo) constituiu, mais de 700 empresas de diversos ramos da actividade comercial, entre Junho de 2019 à presente data, com a entrada em vigor no processo de simplificação dos serviços.

BUE constitui mais de 700 empresas no Huambo
D.R

A informação foi avançada hoje, quarta-feira, à Angop, pelo coordenador do BUE nesta municipalidade, Bernardo Sangimba, salientando que a partir de Junho de 2019 a instituição que dirige tornou-se mais independente em matérias de constituição de empresas, pois que antes servia apenas de intermediária.

“Antes da circular entre a coordenação nacional do Balcão Único do Empreendedor e dos Registos sobre a simplificação da actividade deste órgão nos municípios, apenas recebíamos os processos dos candidatos e encaminhamos a outras entidades na sede da província, para o devido tratamento”, esclareceu.

Por isso, Bernardo Sangimba realçou que a simplificação dos procedimentos para o acesso ao crédito bancário e a realização de vários actos legais trouxe maior celeridade e eficácia, principalmente na municipalidade, com uma média diária de 10 a 15 solicitações de criação de empresas do ramo da agricultura, comércio, pesca e prestação de serviço.

O Balcão Único do Empreender, criado em 2012, por Decreto Presidencial 40/12, de 13 de Março, é um serviço público que tem como objectivo constituir micro-empresas, de modo a transformar a actividade económica informal em formal.

No Huambo, onde foi inaugurado o primeiro do país, existem 12 balcões.

 

 

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS