Afeganistão

Ataque em base militar causa 65 mortos

Ataque em base militar causa 65 mortos
DR
Anterior balanço apontava para 45 vítimas mortais

O novo balanço realizado esta terça-feira dá conta de pelo menos 65 mortos. O ataque foi provocado pelo grupo extremista islâmico Talibã a uma base militar e centro de treinos no Leste do país.

As autoridades afegãs subiram esta terça-feira, 22, para 65 o número de mortos do ataque do grupo extremista islâmico Talibã a uma base militar e centro de treinos no leste do Afeganistão na segunda-feira, a maioria militares.

“Tiramos 65 corpos dos escombros”, disse o vice-chefe do Conselho Provincial de Wardak, Mohammad Sardar Bakhyari, à agência noticiosa AFP.

O anterior balanço, feito também esta terça-feira, apontava para 45 vítimas mortais, na base que também serve como um centro de treinos para uma milícia pró-governamental.

Um membro do conselho da província de Maidan Wardak, Khawanin Sultani, disse à agência de notícias Associated Press que um bombista suicida do grupo Talibã dirigiu um veículo até ao prédio principal, causando a explosão. Depois disso, quatro outros atacantes participaram num tiroteio com as tropas afegãs, mas foram abatidos.

Desde o fim da missão da NATO, em Janeiro de 2015, o governo afegão vem perdendo terreno para os talibãs e controla 56% do país, segundo dados da Inspeção Especial para a Reconstrução do Afeganistão (SIGAR) do Congresso dos Estados Unidos.

 

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS