Para aumentar produção e lapidação de diamantes

Angola quer criar Bolsa de Diamantes

O ministro dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás anunciou hoje que o sector vai criar uma Bolsa de Diamantes, com medidas que passam pelo "aumento da produção e lapidação de diamantes e diminuição do garimpo".

Angola quer criar Bolsa de Diamantes
D.R
Diamantino de Azevedo, ministro dos Petróleos

Diamantino Pedro Azevedo, que discursava hoje, em Luanda, na cerimónia de apresentação do Pólo de Desenvolvimento Diamantífero de Saurimo, na Lunda-Sul, disse que o sector está a organizar a exploração semi-industrial e criar um sistema de comercialização de diamantes "robusto, transparente e de cariz internacional".

Angola conta actualmente com quatro fábricas de lapidação de diamantes, todas em Luanda, e Pólo de Saurimo, orçado em 77 milhões de dólares cuja conclusão está prevista para Novembro, deve congregar mais quatro fábricas de lapidação.

"É intenção do executivo fomentar o surgimento de mais fábricas de lapidação, principalmente nas províncias produtoras de diamantes", afirmou o governante.

 

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS