País soma 166 doentes

Angola com 11 novos casos e mais um óbito

Angola registou 11 novas infecções pelo novo coronavírus e um óbito, a oitava morte, de um total agora de 166 casos positivos, informou nesta quinta-feira, a ministra da Saúde.

Angola com 11 novos casos e mais um óbito
D.R
Sílvia Lutucuta, ministra da Saúde.

Sílvia Lutucuta disse que o óbito é de um cidadão de 61 anos, transferido do Kwanza-Norte, com síndrome respiratório crónico agravado e que tinha já de base uma doença pulmonar infecciosa grave e diabetes.

Segundo a ministra, o doente chegou ao banco de urgência do Hospital Militar já num estado crítico, "e que foi a óbito em pouco tempo".

"Para além deste, temos dois casos no Kwanza-Norte, que furaram a cerca sanitária e do ponto de vista de vínculo epidemiológico têm vínculo com a cerca sanitária do Hoji-Ya-Henda", referiu a ministra, salientando que já foram identificados e isolados 39 contactos.

Relativamente aos infectados, com idades entre um mês e 61 anos, dois do sexo feminino e nove do sexo masculino, cinco estão relacionados com a cerca sanitária da Clínica Multiperfil, profissionais variados (técnicos de manutenção, motoristas, farmacêutico e médica).

A titular da pasta da Saúde lembrou que a doença já chegou ao Kwanza-Norte, por isso "está a um passo de chegar a qualquer outro lugar se os cidadãos não cumprirem com as medidas de prevenção individual e colectiva".

"Continuamos a ter casos suspeitos em investigação (460), temos contactos sob vigilância (1.244), pessoas em quarentena institucional (499) e continuamos a apelar para as medidas de proteção individual, lavagem frequente das mãos ou uso do álcool gel e da máscara em lugares públicos e o distanciamento entre as pessoas", informou.

Sílvia Lutucuta disse que as autoridades sanitárias tudo estão a fazer para controlar a situação, o que não quer dizer que não vão surgir novos casos.

"Pelos nossos números não estamos no pior cenário, mas se não cumprimos com as medidas que estão muito bem delineadas no nosso competente despacho do estado de calamidade podemos estar a um passo da circulação comunitária, como também podemos ter muitos casos", frisou.

Dos 166 casos positivos, 64 foram considerados recuperados.

 

 

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS