Daniel Duncan deixou funções por “motivos pessoais”

Vice-presidente da Costa do Marfim demite-se

O vice-presidente da República da Costa do Marfim, Daniel Kablan Duncan, entregou, nesta segunda-feira, o seu pedido de demissão ao presidente Alassane Ouattara, que o aceitou.

Vice-presidente da Costa do Marfim demite-se
D.R
Alassane Ouattara, presidente da Côte d'Ivoire.

O presidente da República gostaria de prestar homenagem a um grande servidor do Estado", declarou Patrick Achi, secretário-geral da Presidência da Costa do Marfim, que sublinhou que Daniel Kablan Duncan  deixou as suas funções por motivos pessoais.

"O chefe de Estado felicitou-o pela sua importante contribuição ao seu lado e ao serviço da nação sucessivamente enquanto ministro de Estado, ministro dos Negócios Estrangeiros, primeiro-ministro e vice-presidente da República" disse Achi num comunicado.

A demissão do vice-presidente ocorre alguns dias depois da morte do primeiro-ministro Amadou Gon Coulibaly, quarta-feira, que era o candidato do partido no poder às eleições presidenciais de Outubro próximo.

Este desaparecimento repentino de Coulibaly relança a guerra de posicionamento neste partido, mesmo se, segundo observadores, uma possível candidatura do presidente cessante, Alassane Ouattara, não é excluída.

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS