A partir de Novembro

Total vai fornecer combustível a Moçambique

Total vai fornecer combustível a Moçambique
D.R

A multinacional francesa Total vai ser a nova fornecedora de combustíveis líquidos de Moçambique durante seis meses, a partir de Novembro, após ter sido seleccionada nos concursos periódicos realizados pela estatal Importadora Moçambicana de Petróleos (Imopetro), disse hoje à Lusa o director-geral desta entidade, João Macandja.

Macandja referiu que, seguindo os procedimentos habituais, a Total deve apresentar nos próximos sete dias uma garantia bancária para a execução do contrato que prevê a venda ao país de 680 mil toneladas de gasóleo, 275 mil toneladas de gasolina e 60 mil toneladas de combustível para aviões.

Os custos serão determinados pelo valor do barril de petróleo à data da compra, acrescentou.