Em quase 170 mil casos

Número de mortos em África sobe para 4.756

O número de mortos em África devido à covid-19 subiu nas últimas 24 horas para 4.756, mais 155, em quase 170 mil casos, nos 54 países, segundo os dados da pandemia no continente.

Número de mortos em África sobe para 4.756
D.R.

 

De acordo com o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC), o número de mortos passou de 4.601 para 4.756 (+155), enquanto o de infectados subiu de 162.673 para 169.836 (+7.163).

Os mesmos dados referem que o número de doentes recuperados é de 74.732, mais 4.257 do que no dia anterior.

A região do continente mais afectada pelo novo coronavírus continua a ser o Norte de África, com 2.108 mortos, em 49.668 casos.

A África Austral é a segunda região com mais casos (43.318) e com 873 mortos, a maioria concentrada na África do Sul, o país com maior número de casos no continente, tendo ultrapassado hoje os 40 mil (40.792), e o segundo com mais mortos (848).

A África Ocidental regista 772 mortos e 38.819 infecções, a África Oriental tem 586 vítimas mortais e passou hoje os 20 mil casos (20.024), enquanto na África Central há 417 mortos em 18.007 infectados.

O Egipto é o país com mais mortos (1.126) e regista 29.767 infecções, seguindo-se a África do Sul e depois a Argélia, com 681 vítimas mortais e 9.831 infectados.

Marrocos totaliza 208 vítimas mortais e 8.003 casos, a Nigéria regista 323 mortos e 11.516 infectados, enquanto o Gana tem 38 mortos e 8.885 casos.

Entre os países africanos lusófonos, a Guiné-Bissau é o que tem mais infecções, com 1.339 casos, registando oito mortos.

Cabo Verde tem 502 infecções e cinco mortos e São Tomé e Príncipe contabiliza 499 casos e 12 mortos.

Moçambique conta 352 doentes infectados e dois mortos e Angola tem 86 casos confirmados de covid-19 e quatro mortos.

A Guiné Equatorial, que integra a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), mantém há vários dias 1.306 casos e 12 mortos, segundo o África CDC.

O primeiro caso de covid-19 em África surgiu no Egipto em 14 de Fevereiro e a Nigéria foi o primeiro da África subsaariana a registar casos de infecção, em 28 de Fevereiro.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 387 mil mortos e infectou mais de 6,5 milhões de pessoas em 196 países e territórios.

Mais de 2,8 milhões de doentes foram considerados curados.

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS