Encontro deve durar 15 dias

Missão do FMI inicia visita a São Tomé e Príncipe

Missão do FMI inicia visita a São Tomé e Príncipe
DR

Uma missão do Fundo Monetário Internacional (FMI) inicia hoje, quarta-feira, nova avaliação da situação macroeconómica de São Tomé e Príncipe, a primeira com o actual governo, liderado por Jorge Bom Jesus, disse à Lusa fonte governamental.

A equipa permanecerá em São Tomé durante 15 dias e esta quarta-feira tem uma primeira reunião com o ministro do Planeamento, Finanças e Economia Azul, Osvaldo Vaz.

O encontro com o FMI acontece depois de o governo são-tomense ter alertado que a situação macroeconómica do país atravessa “quadro negro”.

A 19 de Dezembro, durante o debate sobre o estado da Nação, o ministro do Planeamento explicou que a dívida pública do país subiu de 260 milhões de dólares em 2014 para “um total de 587 milhões, sem falar das dívidas dos sectores autónomos”.

Apenas com a petrolífera angolana, Sonangol, São Tomé e Príncipe tem uma dívida de 92 milhões de dólares do fornecimento de combustível à empresa de Água e Electricidade (Emae).

 

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS