Na Huíla

BDA disponibiliza 50 milhões AKZ ao sector agrícola

O Banco de Desenvolvimento Africano (BDA) vai disponibilizar, este ano, o montante de 50 milhões de kwanzas para financiar projectos de duas cooperativas agrícolas do município da Matala, na Huíla.

BDA disponibiliza 50 milhões AKZ ao sector agrícola
D.R

As cooperativas agrícolas do município da Matala trabalharam no fim-de-semana com responsáveis do Ministério da Economia e Planeamento na organização documental e estrutural para aderir ao crédito do Banco de Desenvolvimento de Angola (BDA).

O facto foi anunciado nesta segunda-feira, na circunscrição, pelo responsável para gestão de projectos do Ministério da Economia e Planeamento, Manuel Maia, durante o encontro que manteve com responsáveis das referidas cooperativas, seleccionadas para o efeito, no âmbito do Projecto de Apoio ao Crédito (PAC).

Para o ministro, os moldes para a atribuição do crédito passa por garantias de posse de terra e organização administrativas do grémio.

Considerou que as duas cooperativas são funcionais, mas há um “grande” trabalho a ser feito para suprir os problemas administrativos e com ajuda do governo provincial estarão em condições de aderir ao financiamento que podem ajudar a reduzir as importações.

Depois do financiamento, Manuel Maia disse que haverá uma fase de acompanhamento e promoções de formações para sua capacitação técnica, financeira e administrativa, com vista a gerir recursos disponíveis para que os objectivos do governo de diversificar a economia para aumentar a produção sejam concretizados.

Este projecto está inserido no  Programa de Apoio à Produção, Diversificação das Exportações e Substituição das Importações (PRODESI).

O sector da agricultura no município da Matala, controla 77 cooperativas e associações de camponeses, a maior delas opera no perímetro irrigado local com mais de 11 mil hectares.

 

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS