Nas últimas 24 horas

Angola com mais 108 infecções e três mortes

Angola registou 108 novos casos da covid-19 e mais três mortes, aumentando para 17.864 casos positivos e 413 óbitos, informou nesta quarta-feira, o secretário de Estado para a Saúde Pública.

Angola com mais 108 infecções e três mortes
D.R
Franco Mufinda, secretário de Estado para Saúde Pública.

Franco Mufinda disse que os novos casos foram registados em Luanda (40), Huambo (35), Zaire (18), Bié (06), Cabinda (03), Benguela (02), Huíla (02), Malanje (01) e Kwanza-Norte (01), sendo 72 do sexo masculino e 36 do sexo feminino, com idades que variam dos 2 aos 69 anos.

"Infelizmente, registamos nas últimas 24 horas, três mortes, em Benguela, Huambo e Luanda, sendo um chinês e dois angolanos, todos do sexo masculino, de 25, 49 e 77 anos", referiu o governante.

No entanto, foram considerados recuperados nas últimas 24 horas 62 doentes em Luanda, 12 no Zaire, 11 em Benguela, nove no Kwanza-Sul e sete no Huambo, com idades entre os 6 meses e 77 anos, totalizando assim 11.477 recuperações.

Por agora o país tem 5.974 casos activos, dos quais três em estado crítico, oito graves, 72 moderados, 92 leves e 5.799 assintomáticos, estando internados nos centros de tratamento 175 doentes.

No que se refere às análises laboratoriais, foram processadas, nas últimas 24 horas, 1.738 amostras, das quais 108 resultaram positivas, dando uma taxa de positividade diária de 6.2%, enquanto o cumulativo aponta para um total de 316.985 amostras processadas até à data, sendo 17.864 positivas, indicando uma taxa de positividade cumulativa de 5.6%.

O secretário de Estado referiu que foram testadas, nos pontos de entrada e saída de Luanda, sob cerca sanitária, 1.306 pessoas, das quais 1.069 do sexo masculino e 237 do sexo feminino, tendo 94 apresentado resultado reativos, demonstrando uma taxa de exposição de 7.2%, mas na análise para confirmação da doença não foi encontrada nenhuma infecção pelo vírus SARS-CoV-2.