Em mais de 260 mil casos

África regista mais de 7 mil mortes

O número de mortos por covid-19 em África subiu para 7.197, mais 198 nas últimas 24 horas, em cerca de 267 mil casos, segundo os dados mais recentes sobre a pandemia no continente.

África regista mais de 7 mil mortes
D.R

De acordo com o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC), o número de infectados passou de 259.036 para 267.519, mais 8.483.

Já o número de recuperados é de 122.661, mais 4.189.

A África Austral é a que regista um maior número de casos, (84.285) - e 1.711 mortos -, a grande maioria concentrada na África do Sul, o país com mais casos em todo o continente, passando hoje os 80 mil (80.412) e onde há 1.674 vítimas mortais.

O Norte de África continua a liderar no total de mortes, passando hoje as três mil (3.015), contabilizando 73.136 infecções.

A África Ocidental regista 1.038 mortos em 55.424 infetados, a África Oriental tem 867 vítimas mortais e 28.811 casos, enquanto na África Central há 566 mortos em 25.863 infecções.

Quanto aos países africanos lusófonos, a Guiné-Bissau é o que tem mais infecções e mortes, com 1.492 casos, registando 15 vítimas mortais.

Cabo Verde tem 782 infecções e sete mortos e São Tomé e Príncipe contabiliza 683 casos e 12 mortos.

Moçambique conta 651 doentes infectados e quatro mortos e Angola tem 155 casos confirmados de covid-19 e sete mortos.

A Guiné Equatorial, que integra a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), regista 1.664 casos e 32 mortos, de acordo com o último relatório do governo daquele país.

 

 

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS