Argélia

Abdelkader Bensalah assume presidência

Abdelkader Bensalah assume presidência
DR
Abdelkader Bensalah, presidente interino da Argélia

O Parlamento nomeou para chefe de Estado por 90 dias Bensalah, de 77 anos, presidente do Conselho da Nação (Câmara alta do Parlamento) e considerado um produto do "sistema".

O chefe do Senado, Abdelkader Bensalah, foi nomeado nesta terça-feira (9) presidente interino da Argélia, uma semana após a renúncia de Abdelaziz Bouteflika, uma decisão conforme a Constituição, mas contrária ao desejo dos argelinos que exigem o fim do "regime".

Reunido em sessão plenária, o Parlamento nomeou para chefe de Estado por 90 dias Bensalah, de 77 anos, presidente do Conselho da Nação (Câmara alta do Parlamento) e considerado um produto do "sistema".

Após este período de 90 dias, uma eleição presidencial deverá ser organizada e, nela, Bensalah não poderá se apresentar.

Nesta terça-feira, ao meio-dia, milhares de estudantes argelinos ocupavam as ruas do centro da capital para gritar "fora, Bensalah!".

Pela primeira vez em sete semanas de protestos, a polícia usou gás lacrimogéneo para tentar dispersar os manifestantes, constataram jornalistas da AFP. Jatos d'água também foram usados.

Apesar disso, os estudantes seguiam presentes na praça do Grande Poste, o epicentro do movimento de protesto em Argel.

O ex-presidente Bouteflika, de 82 anos, com saúde frágil desde o derrame sofrido em 2013, renunciou a 2 de Abril após 20 anos no poder, sob a pressão das ruas e do exército.

Desde 22 de Fevereiro, os argelinos se manifestam contra a possibilidade de Bouteflika se apresentar para um quinto mandato nas eleições a serem realizadas em Abril.

 

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS