Segundo o SME

Mais de 8 mil estrangeiros expulsos do país  

Mais de 8 mil estrangeiros expulsos do país  
D.R.
Maioria dos ilegais provém da RDC.

Mais de 8.000 estrangeiros foram expulsos de Angola, na primeira semana de Outubro, e 2.529 foram detidos “por auxílio à imigração ilegal e uso de documentos falsos”, anunciou hoje (segunda-feira, 15) o Serviço de Migração e Estrangeiros (SME).

De acordo com o oficial de comunicação e informação do SME de Angola, Mauro Pedro, no período entre 3 e 10 de Outubro, os 8.006 cidadãos estrangeiros foram expulsos por “decisão judicial e administrativa”, 24 dos quais por permanência ilegal no país.

Segundo a mesma fonte citada pela Lusa, 2.097 cidadãos de diversas nacionalidades foram impedidos de entrar em Angola e recambiados para os seus países de origem, e foram impedidos de sair do país 17 cidadãos nacionais por vários motivos.

Em relação à Operação Transparência que decorre nalgumas províncias, sobretudo que fazem fronteiras com países da região, com vista ao combate do tráfico ilícito de diamantes e imigração ilegal foram já registadas 180.802 saídas voluntárias e 22.499 detenções.

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS