Igor Silva, ciclista da Jair Transporte de Benguela

Filho de 'Pepino' sabe pedalar

É o actual campeão da primeira Volta a Angola. Ganhou quase todas as competições, em campeonatos nacionais, provinciais e vários torneios. Já perdeu o número de testes anti doping a que foi submetido. Igor Silva é filho de 'Pepino', o mais velho ciclista recentemente desaparecido, e assegura que não vai abandonar a modalidade, já a pensar numa escola de formação.

Filho de
Santos Sumuesseca
Igor Silva (ciclista do meio),campeão da primeira Volta ango

Igor Silva, Ciclista

Desde criança, sempre acompanhou o pai nas corridas, o qual tem como principal ídolo e sente-se impulsionado por ele para ter o sucesso que vem conquistando na modalidade.

Não se considera o melhor ciclista de Angola, mas põe a vaidade de lado e assegura que se encontra na lista dos melhores da modalidade. Igor Silva dispensa apresentações quando se fala de ciclismo. Apesar de ter um carro, conta que sente mais adrenalina e paixão quando está em cima de uma bicicleta. “O carro não me diz quase nada", desvaloriza.

Culpa o pai, Alberto Silva 'Pepino', falecido em Agosto do ano passado, por ter sido o 'responsável' por ter entrado no ciclismo. Recorda-se que o primeiro presente do pai foi precisamente uma bicicleta de marca BMX, em 1990.

No entanto, como sempre gostou de desporto, a primeira modalidade que tentou foi o basquetebol, por influência de amigos, mas a altura foi madrasta e teve de desistir, ficando com a bicicleta que já tinha sido o amor à primeira vista.

Desde criança, sempre acompanhou o pai nas corridas, o qual tem como principal ídolo e sente-se impulsionado por ele para ter o sucesso que vem conquistando na modalidade.

Por ser um dos melhores ciclistas de Angola, com muitas competições nas pernas, já perdeu o número de testes anti-doping a que foi submetido durante as participações na Volta a Portugal, no Tour do Congo e outros eventos internacionais, semana após semana. Scott é a marca de bicicleta que usa para todas as competições e também para passear. Considera "uma boa marca e conceituada", reconhecida mundialmente e que nunca lhe deixou mal. 

 

AMBIÇÃO

Igor Silva foi campeão nacional absoluto por várias vezes, participou em diversas provas internacionais em Portugal, Macau, Congo, São Tomé, entre outras. Conquistou a primeira Volta a Angola. E pelos anos na modalidade, vai lutando por outras conquistas e os seus 34 anos "não constitui qualquer impedimento para atingir os primeiros lugares dos pódios". Considera estar ainda em condições físicas para representar a selecção nacional em competições internacionais

Sabe que o desporto em Angola não dá riqueza, quanto mais o ciclismo, alegando que se "gasta mais do que se ganha". “Se alguém ficou rico é porque se inclinou para outros negócios”.

Com muitos anos de estrada, já teve muitas quedas, entre 50 e 60.

 

PROJECTOS

Com a aproximação do fim da carreira desportiva, Igor Silva garante que "nunca" se vai divorciar do ciclismo e quer estar ligado à modalidade, na formação. Pensa em criar uma escola de formação, em Benguela, denominada Escola de Ciclismo Alberto Silva 'Pepino', em homenagem ao pai. Rejeita, por isso, qualquer lugar como dirigente federativo, por "não fazer parte do estilo de vida e de trabalho estar dentro de gabinetes".

 

ESTADO DA MODALIDADE

O ciclista da Jair Transporte entende que o ciclismo já viveu momentos "péssimos". A abertura de algumas lojas deu um grande impacto no desenvolvimento da modalidade, admite. "Angola participa para ganhar e os adversários já olham com respeito a presença dos ciclistas angolanos, o nosso ciclismo já é muito bom”, elogia.

Legado de 'Pepino'

Igor Silva quer manter vivo o legado do pai, Alberto Silva 'Pepino', Já foi criada uma sala com o seu nome na Galeria dos Desportos, em Luanda, com todo o material e outros utensílios usados pelo ciclista. A bicicleta foi oferecida recentemente ao Ministério da Juventude e Desportos, sendo o último desejo do pai. O filho confessa que ainda sente a sua falta, até pelos conselhos dele e pelos puxões de orelhas, mesmo na fase de adultos. “Foi amigo e conselheiro”, reforça.

Recentemente, a Associação Provincial de Ciclismo de Benguela instituiu um torneio denominado 'Igor Silva' e o atleta agradece e entende que as homenagens devem ser feitas em vida e não quando morrem.

O pai, Alberto da Silva 'Pepino', morreu  em Agosto do ano passado, vítima de um acidente cardiovascular. Era um ícone do ciclismo angolano, participando em competições até aos 90 anos. Venceu mesmo duas medalhas de ouro nos Jogos Olímpicos para a Terceira Idade. Pouco tempo antes de morrer, aos 95 anos, ainda corria vários quilómetros pelas estradas de Benguela, terra que o viu nascer.

 

Perfil

Nome completo: Igor Alberto Secundino Silva

Data de Nascimento: 22 de Outubro de 1984

Altura: 1,70

Calçado: 42

Peso 62 kg

Cor: Vermelha

Comida: feijoada

Clube: Benfica de Portugal

País de gostaria de conhecer: Havai e Porto Rico

Ciclistas: Lance Armstrong, Alberto Contador, Peter Taga, Dário António, Bruno Araújo