Em Luanda

Polícia regista desaparecimento de 332 crianças em 2020

A Polícia registou, no ano passado, 332 casos de desaparecimento de crianças, dos quais esclareceu 174, informou hoje o porta-voz do comando provincial de Luanda da Polícia Nacional, Nestor Goubel.

Polícia regista desaparecimento de 332 crianças em 2020
D.R

O caso mais recente é o de uma menina, de ano e meio, que desapareceu na sexta-feira passada, no bairro das Salinas, distrito urbano do Benfica, quando brincava à porta de casa com outras crianças.

Segundo Nestor Goubel, que falava em declarações à Televisão Pública de Angola, a criança já se encontra com a família depois de ter sido largada, terça-feira, por supostos raptores, na rua onde que vive.

Nestor Goubel disse que continuam as diligências no sentido de se esclarecer o caso, frisando que o final feliz se deveu à pressão feita nos órgãos de comunicação social, polícia e grupos das redes sociais.

“Os prevaricadores sentiram a pressão, o que fez com que eles largassem a menina aqui na rua, mas apelar às famílias a redobrarem os cuidados”, disse o porta-voz da Polícia de Luanda.

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS