Presidente da República muda 88 oficiais militares e 61 comissários

Nunda na reforma na maior remodelação das FAA

O antigo chefe do Estado Maior das Forças Armadas Angolanas (FAA), Geraldo Sachipengo Nunda, foi reformado, por ter atingido limite de idade. O general já havia solicitado a passagem à reforma há dois anos, mas só hoje recebeu a ‘luz verde’ de João Lourenço.

Nunda na reforma na maior remodelação das FAA
DR

A passagem de Nunda à reforma integrou um conjunto de mexidas efectuadas pelo Presidente da República nos órgãos militares e da Polícia Nacional, Muitos oficiais foram passados a reforma. Nas Forças Armadas Angolanas (FAA), foram exonerados 88 oficiais generais. Sendo nomeados 66 oficiais para diversos cargos de chefia e promovidos 28 oficiais, dois ao grau de almirante, um a general, nove a tenente-general, 15 a brigadeiro e um a contra-almirante.

João Lourenço mexeu também nas chefias da Polícia Nacional (PN), tendo efectuado ‘danças das cadeiras’ de 61 comissários: 26 foram renomeados para cargos noutras províncias e gabinetes. Na Polícia Nacional,  Presidente da República reformou 34 oficiais, enquanto nas FAA foram reformados 47 oficiais generais, com destaque para o antigo Chefe de Estado Maior das FAA, general Geraldo Sachipengo Nunda, que há dois anos havia solicitado a sua reforma por limite de idade.

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS