PR substituiu também chefias dos bombeiros e migrações

João Lourenço nomeia novo director geral do SIC

O Presidente da República nomeou, este sábado, o Comissário-Chefe Arnaldo Manuel Carlos, no cargo de Director Geral do Serviço de Investigação Criminal (SIC) do Ministério do Interior.

João Lourenço nomeia novo director geral do SIC
DR
João Lourenço, Presidente da República

Segundo uma nota da Casa Civil, o oficial substituiu no cargo o Comissário-Chefe de Investigação Criminal Eugénio Pedro Alexandre, exonerado na mesma data, pelo chefe de Estado.

Foram também exonerados o Comissário Arnaldo Manuel Carlos, do cargo de Delegado do Ministério do Interior e Comandante da Polícia Nacional da Huíla, e o Comissário de Investigação Criminal Pedro Pascoal Domingos Rodrigues, do cargo de director do gabinete do mesmo ministério.

A lista inclui ainda o Comissário de Investigação Criminal Carlos Manuel Alves, que deixa o cargo de director Geral-Adjunto do SIC, e o Comissário de Investigação Criminal António Pereira Freire dos Santos, até então director geral-adjunto do mesmo organismo (SIC) do Ministério do Interior.

Foram também exonerados o Comissário de Investigação Criminal António Pedro Amaro Neto, do cargo de Director Nacional de Operações do Serviço de Investigação Criminal do Ministério do Interior; o Comissário de Investigação Criminal Humberto José Belo Lopes Frade, do cargo de Director de Investigação de Acidentes do Serviço de Investigação Criminal do mesmo ministério.

João Lourenço exonerou igualmente o Sub-Comissário de Investigação Criminal Miguel Arcanjo Sumbo, do cargo de Director Provincial do SIC da Delegação Provincial do Ministério do Interior do Kuando-Kubango, o Sub-Comissário de Investigação Criminal Almerindo João de Almeida, do cargo de Director Provincial do SIC da Delegação Provincial do Ministério do Interior de Benguela, e o Sub-Comissário de Investigação Criminal Mário António Francisco, do cargo de Director Provincial do SIC da Delegação Provincial do Ministério do Interior de Cabinda. 

O Presidente da República exonerou o Comissário Bombeiro Principal Bênção Cavila Nyoka Abílio, do cargo de Comandante do Serviço de Protecção Civil e Bombeiros do Ministério do Interior e o Comissário Gil Famoso Sebastião da Silva, do cargo de Director Geral do Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) do mesmo Ministério.

Noutros despachos, o Presidente da República nomeou o Comissário-Chefe de Investigação Criminal Eugénio Pedro Alexandre, para o cargo de Conselheiro do Ministro do Interior, o Comissário de Investigação Criminal Humberto José Belo Lopes Frade, para o cargo de Director Central de Operações do SIC do Ministério do Interior, o Comissário de Investigação Criminal Miguel Arcanjo Sumbo, para o cargo de Director Geral-Adjunto do SIC do Ministério do Interior.

O Comissário de Investigação Criminal Almerindo João de Almeida foi nomeado para o cargo de Director Geral-Adjunto do SIC do Ministério do Interior, e o Sub-Comissário de Investigação Criminal Mário António Francisco, para o cargo de Conselheiro do Director Geral do SIC do mesmo ministério.

O Presidente da República nomeou, também, o Comissário de Migração João António da Costa, para o cargo de Director Geral do Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) do Ministério do Interior, e o Comissário Bombeiro Bensau Mateus, para o cargo de Comandante do Serviço de Protecção Civil e Bombeiros daquele mesmo departamento ministerial.

João Lourenço, na sua qualidade de Comandante-Em-Chefe das Forças Armadas Angolanas, ordenou a graduação ao Posto Policial de Comissário-Chefe, o Comissário Arnaldo Manuel Carlos, e ao Posto Policial de Comissário de Investigação Criminal o Sub-Comissário de Investigação Criminal Miguel Arcanjo Sumbo e o Sub-Comissário  de Investigação Criminal Almerindo João de Almeida.

O Presidente da República, que se deslocou neste domingo, ao Japão, para participar na Conferência África-Japão, delegou poderes ao Ministro do Interior para conferir posse às entidades nomeadas.

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS