No Moxico

Cooperativas agrícolas beneficiam de 900 milhões AKZ

Cerca de 18 cooperativas agrícolas no Moxico, apuradas recentemente, vão beneficiar de um apoio financeiro, avaliado em 900 milhões de kwanzas, concedidos pelo Banco de Desenvolvimento de Angola (BDA), no âmbito do Programa de Alívio Económico.

Cooperativas agrícolas beneficiam de 900 milhões AKZ
D.R

A medida de alívio económico é uma iniciativa do Governo para acudir micro, pequena e média empresas com dificuldades financeiras, resultante dos prejuízos económicos causados pela pandemia da cavod-19.

No quadro do programa, cada cooperativa vai receber um total de 50 milhões de kwanzas, sendo que até ao momento, já beneficiaram de 30 % do valor global previsto.

Durante o acto de apresentação do balanço do exercício económico do ano 2020, o director do gabinete Provincial do Desenvolvimento Económico e Integrado, Guimarães Pinto Luís, afirmou que as 18 cooperativas apuradas pelo BDA representam os nove municípios do Moxico.

O responsável informou também que há 22 empresas, locais, concorrentes para a linha de financiamento do Banco Africano de Desenvolvimento (BAD), das quais, 12 do sector industrial (transformação da madeira), quatro do sector agro-pecuário, igual número para as pescas e duas no sector de energia e águas.

Nessa esteira, com vista a facilitar a transformação e a transportação dos produtos, explicou que 65 empresas da província se candidataram no quadro do crédito automóvel, operacionalizado pelo Ministério do Comércio.

No acto de abertura do referido encontro, decorrido no auditório do Instituto Superior Politécnico do Moxico, o vice-governador para o sector Político, Económico e Social, Victor da Silva, apelou aos agentes económicos da província a melhorar o seu desempenho, para contribuir no desenvolvimento da região.

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS