Eleições nos EUA

Colégio eleitoral oficializa Biden como presidente

O Colégio Eleitoral dos Estados Unidos da América (EUA) certificou hoje a vitória do democrata Joe Biden nas eleições presidenciais, que com 306 votos ultrapassou largamente o mínimo de 270 necessários para poder ser o 46.º presidente.

Colégio eleitoral oficializa Biden como presidente
D.R
Joe Biden, presidente dos EUA

A vitória de Joe Biden foi raticficada depois de os delegados do Colégio Eleitoral pela Havai, o último dos 50 estados norte-americanos, atribuírem os quatro votos daquele estado ao democrata, que já tinha 302 votos e acabou com 306, de um total de 538.

O presidente cessante, o republicano Donald Trump, arrecadou apenas 232.Nos Estados Unidos, o presidente não é escolhido por voto popular, mas por sistema indirecto, através do voto dos grandes eleitores, escolhidos em função dos resultados eleitorais e em função da população de cada estado (com os mais populosos a ter direito a mais votos).

Biden venceu em vários estados que lhe atribuíram 306 delegados, superando o mínimo de 270 necessários para ser Presidente.

Joe Biden, de 78 anos, é a pessoa mais velha a assumir o cargo de presidente. O democrata foi também o 47.º vice-presidente do país, entre 20 Janeiro de 2009 e 20 de Janeiro de 2017, durante as duas administrações sucessivas de Barack Obama.

A vice-presidência de Kamala Harris é, por si só, histórica, uma vez que a democrata vai ser a primeira mulher, a primeira mulher afro-americana e a primeira pessoa de origem indiana a ocupar este cargo.

A cerimónia de tomada de posse de Biden enquanto 46.º presidente dos Estados Unidos vai ser realizada a 20 de Janeiro.

RECOMENDAMOS

POPULARES

ÚLTIMAS