COVID-19

Angola e 15 mortes em 24 horas

Angola registou 233 novos casos de covid-19, 15 óbitos e 208 pessoas recuperaram da doença, nas últimas horas, segundo os dados do boletim epidemiológico da Direcção Nacional de Saúde Pública divulgado nesta quarta-feira.

Angola e 15 mortes em 24 horas
D.R.

 

As novas infecções foram reportadas nas províncias de Luanda (138), Cuanza Sul (22), Cunene (14), Moxico (11), Lunda-Norte (10), Lunda-Sul (nove), Benguela (oito), Huambo (seis), Cabinda (seis), Bié (cinco) e Namibe (quatro), com idades entre 4 meses e 95 anos, sendo 149 do sexo masculino e 84 do feminino.

Quanto aos óbitos, sete homens e oito mulheres, entre os 29 e 80 anos, ocorreram nas províncias da Huíla (nove), Lunda-Sul (dois), Cunene (dois), Luanda e Malanje (cada um).

Entretanto, recuperaram da doença pessoas, entre 1 e 74 anos, notificadas 11 em Luanda, 31 na Huíla, 20 no Cunene, 14 na Lunda-Sul, oito no Moxico, sete na Lunda-Norte, seis no Huambo, cinco no Bié, quatro no Zaire, uma no Kwanza-Sul e uma no Namibe.

Por agora, o país soma 44.964 casos confirmados, 1.118 óbitos, 41.781 recuperações e 2.065 activos, dos quais 14 em estado crítico, 25 graves, 53 moderados, 29 leves e 1.944 assintomáticos.

Estão internadas 121 pessoas, 230 em quarentena institucional e 694 contactos sob vigilância epidemiológica.

Nas últimas horas, os laboratórios processaram 5.069 amostras por RT-PCR, perfazendo o cumulativo de 864.142 amostras processadas até à data, com uma taxa de positividade de 5,2%.

Nos pontos de entrada e saída de Luanda, capital de Angola, foram também testadas 435 pessoas na base do teste de antigénio.

A covid-19 provocou pelo menos 4.370.427 mortes em todo o mundo, entre mais de 207,84 milhões de infecções pelo novo coronavírus registadas desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.